Linguagem Corporal

Capítulo 2


Espelhar

Com quem você preferia estar? Com o seu melhor amigo que adora pizza
tanto quanto você, que é louco por basquete como você, que assiste aos
mesmos programas de TV que você, ou com o seu vizinho do lado que é
vegetariano, odeia esporte e vê programas que aborrecem de morte?
A resposta é óbvia.
Você gostaria de estar próximo de pessoas que têm os mesmos
comportamentos, atitudes e valores que você.
Os pássaros com as mesmas penas voam juntos.
Viciados em livros gostam da companhia uns dos outros porque
partilham um elo comum –o seu amor pelos livros.
Fanáticos de basquete voam juntos, porque eles podem identificar-se
com os interesses e ideias uns dos outros.
Se você realmente quer que alguém goste e confie em si, você tem que
apresentar as mesmas qualidades dessa pessoa. E não há melhor
maneira de fazer isso do que usando a linguagem corporal. Aqui está
como fazê-lo:
Combine as suas expressões faciais, gestos, postura, fala, estilos, ações,
padrões de respiração, valores e crenças.
Coloque-se nos seus sapatos.
Por outras palavras, seja eles.
Ao fazer isso, você também está a imitar a maneira de pensar
deles. Você pode facilmente adaptar-se aos seus pensamentos e pontos
de vista.
Você também pode fazer alguma correspondência por sinais.
Por exemplo, falar ao mesmo ritmo que eles respirão.
Ou coçar o queixo cada vez que os olhos deles piscam.

Percebeu?
Seja genuinamente interessado e curioso com tudo que você pode
descobrir sobre eles.
Descubra a sua atitude.
Conheça a sua história de vida.
Isto é o que chamamos de espelhamento.
Mas o espelhamento não deve ser confundido com o mimetismo.
Você deve agir com cortesia e cautela.
Nunca deixe a pessoa que você está a espelhar estar ciente do que você
está a fazer.
Imagine só imitar descaradamente o que a outra pessoa está a fazer.
Toda vez que ele faz uma coisa, você imita.
Quando ele coça a cabeça, você também coça a cabeça.
Isso seria um insulto.
Nunca deixe a pessoa que você está a espelhar pensar que você está a
gozar com ela.
O seu principal objetivo deve ser o de influenciar o subconsciente.
Mesmo se uma pessoa não esteja ciente de que você está a espelhá-la, o
seu subconsciente percebe-o.
A pessoa vai inconscientemente estar à vontade quando você duplicar
indirectamente os seus modos.
Ela vai sentir-se muito confortável se vocês estão ambos no mesmo
nível.
Corresponder com os seus humores
Se uma pessoa que você está a espelhar tem muitos problemas, não vá
ter com ela num estado de espírito alegre a dizer: “Não se preocupe com
isso. Vamos assistir a um filme e você vai esquecer tudo o que o está a
incomodar.”
A pessoa está de mau humor. Ela espera que você sinta por ela, que
simpatize com ela. Combine com a sua disposição em primeiro lugar, e
em seguida, diga algo como:
“Eu sinto-me mal por você. Se há algo que eu possa fazer para ajudar, é só
avisar.”
Tudo o que ela quer agora é estar com alguém que tem o mesmo
humor que ela.
Uma palavra de advertência, porém.
Se alguém tem alguns problemas emocionais realmente grandes, e você
espelhar essa pessoa, você corre o risco de realmente absorver as suas
emoções.
Logo faça esta atividade em situações de baixo risco.
Desenvolver Compatibilidade
O objetivo final do espelhamento é construir compatibilidade.
É o momento em que você e as pessoas que você está a espelhar se
sentem tão perto e em sintonia uns com os outros que você sente que
se conhecem há anos.
Então, como pode você sabe se construiu compatibilidade?
Espelhe-os.
Combine qualquer característica, valor, ou comportamento que eles
possuem e que você gostaria de copiar.
Depois de algum tempo, toque no nariz ou cruze as pernas.
Se eles fazem a mesma coisa, então missão cumprida!
Você já baixou as suas defesas até ao ponto onde eles estão mais
receptivos às suas sugestões.
Você pode construir compatibilidade, mesmo que a pessoa que você
está a espelhar esteja longe.
Aqui está como fazê-lo:

  1. Apenas relaxe.
    Limpe a sua mente de todos os pensamentos negativos e crie um
    vínculo, concentrando-se em todo o corpo da pessoa que você deseja
    espelhar. Torne a sua imagem real e vívida.
  2. Use o seu subconsciente para entrar no mundo dessa pessoa.
    Sinta a conexão.
    Distribua projeções positivas unindo a persona dela na sua.
  3. Pense no que ela pode estar a fazerno momento.
    Em seguida, replique as suas ações, comportamentos e princípios.
    Com este exercício, você pode até imitar os seus modelos.
    Digamos que você quer ser tão bem sucedido como o seu chefe que está
    sempre a viajar pelo mundo.
    Faça o exercício acima e em breve você vai ver alguns resultados
    surpreendentes.

Gostou? Curta e comenta♡ e não esquece de se inscrever para receber mais conteúdos como esse.

#linguagemcorporal #post #artigo

Publicado por gabrielasantana

Ola, meu nome é Gabriela, tenho 24 anos, sou estudante de administração. Apaixonada por musicas, filmes, series, viagens, livros... Aqui você vai se conectar com mundo, através dos conteúdos variados. Fique a vontade para sugerir postagens e afins. Sejam bem vindos!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: